NOVA ARTON


Espaço para mostrar o material criado por você, de contos a desenhos. Leia e comente sobre as criações dos colegas do fórum!

Avatar do usuário

Mensagens: 3903

Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Mensagem 01 Fev 2016, 11:42

Re: NOVA ARTON

Lord Seph escreveu:Na verdade o problema é que o próprio reino divino do deus é uma armadilha para ele.


Sim, a Triologia deixa isso bem claro e o mini conto da Revolta no inicio do Panteão d20 tbm.
Avatar do usuário

Mensagens: 7640

Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44

Localização: Belo Horizonte - MG

Mensagem 01 Fev 2016, 18:25

Re: NOVA ARTON

Senimaru escreveu:Achei bem legal muitos pontos. Mas achei estranhos alguns, como Kally ter nascido tão "tarde", na minha concepção Kally por ser o Poder ele seria um dos primeiros deuses criados, talvez até o primeiro junto com Hedryx.


Adotei por princípio que Kally e Wynna deveriam surgir ao mesmo tempo, porque ambos se conectam com o conceito de "poder sobrenatural", magia, a ideia de moldar a realidade conforme a vontade. E Vontade só pode existir onde há Intelecto - não há Vontade entre criaturas irracionais, que apenas se submetem aos caprichos da natureza. Então, Kally e Wynna só aparecem depois de Tanna-Toh e Tillian.

Senimaru escreveu:Gostei que vc colocou o Sartan no meio, por sua natureza podia falar que ele é um filho de Kally, herdando seu poder mas não suas regras.


Outra pré-definição minha é de que todos os Deuses Maiores originais nasceriam de Dinamismo e Estase, não uns dos outros.

Senimaru escreveu:E pqp esses deus fazem uma troca troca do carai heim? hahahahahahha


Se tem uma coisa que os Deuses Maiores não padecem é de moralidade puritana. ;)
BAÚ DO JUDAS
AO CAIR DA NOITE 3D&T

Azog (Werra Ataca)
Boryslaw Rzecz (Outono)
Cornélia Volg (Crônicas da Tormenta)
Escudo (BnH Brazil Hen)
Joaquim Bogart (Ídolos de Aço)
Kallyan de Callistia (Ilha do Umbral de Fogo)

O DISCO DOS TRÊS: ON OFF FICHAS E STATUS
GAV: ON FICHAS
MÁGIKA: ON FICHAS REGRAS
Avatar do usuário

Mensagens: 7640

Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44

Localização: Belo Horizonte - MG

Mensagem 02 Fev 2016, 17:29

Re: NOVA ARTON

Ninguém reparou em uma falha lógica do texto, que só percebi hoje: se cada deus traz consigo o aspecto que representa (como Keen e a Guerra, Valkaria e a Ambição), se o aspecto em si não existe até o nascimento do deus, então o Intelecto não deveriam existir antes de Tillian e Tanna-Toh nascerem, o que quer dizer que os deuses mais velhos não teriam inteligência, seriam apenas forças naturais em estado puro, sem vontade, sem consciência de si.

Isto me coloca em problemas, porque até o momento do nascimento dos dois, todo o texto dá a entender que os deuses atuam por Vontade, algo que já defini como uma possibilidade somente acessível aos portadores de Intelecto (animais não atuam por Vontade, atuam por Instinto, um aspecto melhor encarnado por Allihanna/Megalokk, ou Astúcia, um aspecto vinculado à Hyninn).

Ou eu altero a ordem das coisas e coloco o nascimento do “casal pró-intelectivo” no início, pouco após o nascimento de Gor (que seria o único a nascer sem consciência e a adquiriria quando os dois surgissem), ou eu realmente defino que os deuses eram forças inconscientes no princípio, só adquirindo tal habilidade após o nascimento da Curiosidade e do Conhecimento.

Uma terceira possibilidade é mudar a ordem de nascimento de Gor, colocar ele pra nascer após os dois. Na mitologia grega o Tempo só surge após o Espaço (representado por Caos), e mesmo assim somente após este ser delimitado (a delimitação é representada por Gaia). Mas na mitologia judaico-cristã, o Tempo existe desde o início, é a primeira coisa criada pelo deus deste mito (que por sua vez existe fora do Tempo, não sendo, portanto, parte dele – de modo similar à Estase e Dinamismo).

Se fizer essa mudança, o surgimento de todos os deuses anteriores ocorre “no mesmo instante”, e todos os eventos ocorrem “ao mesmo tempo”. Mesmo que haja linearidade, ela é irrelevante, porque não há Tempo – esses deuses seriam efetivamente eternos, pois existiriam desde antes do Tempo. Mas, pra ser sincero, não gosto desta solução, ela vai contra minha proposta inicial de que para haver Existência é preciso haver Tempo.

O que vocês acham?
BAÚ DO JUDAS
AO CAIR DA NOITE 3D&T

Azog (Werra Ataca)
Boryslaw Rzecz (Outono)
Cornélia Volg (Crônicas da Tormenta)
Escudo (BnH Brazil Hen)
Joaquim Bogart (Ídolos de Aço)
Kallyan de Callistia (Ilha do Umbral de Fogo)

O DISCO DOS TRÊS: ON OFF FICHAS E STATUS
GAV: ON FICHAS
MÁGIKA: ON FICHAS REGRAS
Avatar do usuário

Mensagens: 11801

Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Mensagem 02 Fev 2016, 17:52

Re: NOVA ARTON

Deixa como está mesmo... Não precisa haver lógica em tudo.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.
Avatar do usuário

Mensagens: 7640

Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44

Localização: Belo Horizonte - MG

Mensagem 02 Fev 2016, 17:54

Re: NOVA ARTON

Lord Seph escreveu:Deixa como está mesmo... Não precisa haver lógica em tudo.


Claro que tem. Criar um encadeamento lógico é parte da minha intenção por trás da teogonia.
BAÚ DO JUDAS
AO CAIR DA NOITE 3D&T

Azog (Werra Ataca)
Boryslaw Rzecz (Outono)
Cornélia Volg (Crônicas da Tormenta)
Escudo (BnH Brazil Hen)
Joaquim Bogart (Ídolos de Aço)
Kallyan de Callistia (Ilha do Umbral de Fogo)

O DISCO DOS TRÊS: ON OFF FICHAS E STATUS
GAV: ON FICHAS
MÁGIKA: ON FICHAS REGRAS
Avatar do usuário

Mensagens: 11801

Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Mensagem 02 Fev 2016, 18:17

Re: NOVA ARTON

Se faz tanta questão diga apenas aquilo que já existe no cenário padrão. Eles são aquilo que nasceram. Agem apenas por sua própria natureza divina, mas sem um propósito real de existência. Sendo assim Valkaria é a ambição, mas sem foco; Keenn é a guerra, mas sem propósito e deixa só Gor com plena consciencia de sua existência, mesmo porquê nem sei se ele vive todo o tempo ao mesmo tempo ou apenas o eterno instante seguinte ao último momento de existência de tudo.

Claro que você teria que definir o que considera instinto e racionalidade também.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.
Avatar do usuário

Mensagens: 364

Registrado em: 15 Dez 2013, 09:59

Localização: União Púrpura

Mensagem 03 Fev 2016, 08:41

Re: NOVA ARTON

Padre Judas escreveu:
Decidi criar uma teogonia nova para o mundo de Arton, e alterar "um pouco" a estrutura do Panteão. Olhem e digam o que acham.



Cheguei primeiro!
"O que não me mata me fortalece." - Friedrich Nietzsche

Panteão Ultimate
Avatar do usuário

Mensagens: 2934

Registrado em: 09 Dez 2013, 18:34

Mensagem 03 Fev 2016, 09:43

Re: NOVA ARTON

Tenho que dizer que, em termos de textos religiosos, contradições são obrigatórias. :lol:

Deuses não são exatamente criaturas racionais. Não podem mudar por conta própria nem deixar de ser a epítome de seus domínios. Tudo que aconteceu antes TINHA que acontecer, pois era a natureza básica de cada deus.
Avatar do usuário

Mensagens: 11801

Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Mensagem 03 Fev 2016, 10:19

Re: NOVA ARTON

Por isso eu disse que não precisa ter lógica. Apenas religiões criadas nessa era de aquário que seguem uma lógica :lol:.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.
Avatar do usuário

Mensagens: 3903

Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Mensagem 03 Fev 2016, 11:34

Re: NOVA ARTON

Padre Judas escreveu:Ninguém reparou em uma falha lógica do texto, que só percebi hoje: se cada deus traz consigo o aspecto que representa (como Keen e a Guerra, Valkaria e a Ambição), se o aspecto em si não existe até o nascimento do deus, então o Intelecto não deveriam existir antes de Tillian e Tanna-Toh nascerem, o que quer dizer que os deuses mais velhos não teriam inteligência, seriam apenas forças naturais em estado puro, sem vontade, sem consciência de si.

Isto me coloca em problemas, porque até o momento do nascimento dos dois, todo o texto dá a entender que os deuses atuam por Vontade, algo que já defini como uma possibilidade somente acessível aos portadores de Intelecto (animais não atuam por Vontade, atuam por Instinto, um aspecto melhor encarnado por Allihanna/Megalokk, ou Astúcia, um aspecto vinculado à Hyninn).

Ou eu altero a ordem das coisas e coloco o nascimento do “casal pró-intelectivo” no início, pouco após o nascimento de Gor (que seria o único a nascer sem consciência e a adquiriria quando os dois surgissem), ou eu realmente defino que os deuses eram forças inconscientes no princípio, só adquirindo tal habilidade após o nascimento da Curiosidade e do Conhecimento.

Uma terceira possibilidade é mudar a ordem de nascimento de Gor, colocar ele pra nascer após os dois. Na mitologia grega o Tempo só surge após o Espaço (representado por Caos), e mesmo assim somente após este ser delimitado (a delimitação é representada por Gaia). Mas na mitologia judaico-cristã, o Tempo existe desde o início, é a primeira coisa criada pelo deus deste mito (que por sua vez existe fora do Tempo, não sendo, portanto, parte dele – de modo similar à Estase e Dinamismo).

Se fizer essa mudança, o surgimento de todos os deuses anteriores ocorre “no mesmo instante”, e todos os eventos ocorrem “ao mesmo tempo”. Mesmo que haja linearidade, ela é irrelevante, porque não há Tempo – esses deuses seriam efetivamente eternos, pois existiriam desde antes do Tempo. Mas, pra ser sincero, não gosto desta solução, ela vai contra minha proposta inicial de que para haver Existência é preciso haver Tempo.

O que vocês acham?



Por isso falei sobre Kally no outro post, um deus do tempo é algo que realmente falta em tormenta gostei que vc criou um, a ideia que o Oceano representava o Espaço tb ficou legal.
AnteriorPróximo

Voltar para Fan Fiction & Fan Art

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: nenhum usuário registrado e 1 visitante.