dúvida sobre Tamu-ra


Sua vez! Faça sua pergunta ou sugestão sobre a Jambô Editora e o Fórum.

Mensagens: 2

Registrado em: 03 Fev 2017, 03:18

Mensagem 03 Fev 2017, 03:30

dúvida sobre Tamu-ra

existe alguma história oficial sobre a reconquista(ou recolonização), a batalha dos deuses menores em tamu-ra?
Avatar do usuário

Mensagens: 17

Registrado em: 19 Jul 2014, 15:00

Mensagem 08 Mai 2017, 22:02

Re: dúvida sobre Tamu-ra

Sim, no terceiro livro da Trilogia da Tormenta, entitulado O Terceiro Deus, de Leonel Caldela.

E existem informações (e ganchos de aventura) sobre a recolonização de Tamu-ra no Mundo de Arton.
Avatar do usuário

Mensagens: 11435

Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Mensagem 08 Mai 2017, 22:23

Re: dúvida sobre Tamu-ra

E aguarde o Império de Jade.

De resto use a Área destinada ao cenário Tormenta.

Aqui é sobre dúvidas e sugestões para a editora e não para o cenário.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Mensagens: 34

Registrado em: 16 Fev 2017, 15:17

Mensagem 23 Ago 2017, 17:38

Re: dúvida sobre Tamu-ra

Eu tenho esboço de um um herói para Tamu-ra, um samurai, de um clã simples, que quer ter uma vida simples, e veio em um evento para Arton antes de Tamu-ra ser destruída, ele e todas as pessoas da sua vila, umas 300 pessoas e há poucos sobreviventes vivendo em uma vila oculta do bushido.
Eu joguei com esse personagem, quando narrei uma aventura, eu a fiz anos posteriores a aventura que joguei com ele, nisso ele e os seus companheiros tinham fundado "A Companhia do Lótus Branco" e ele se tornou um grande herói, (embora fosse um ávido frequentador de tavernas, e conhecido como o samurai vagabundo) ele nunca quebrou um juramento e deixou o lótus branco quando a companhia se tornou dona de uma grande região, ele acha que o caminho do samurai é o caminho da servidão. Pós a tormenta o imperador de Ni-tamura conhecia a fama dele e o chamou para servir, e pediu que ele se casasse com uma elfa, pois seus filhos teriam uma longevidade maior e a tradição dos samurais estaria um pouco mais segura, ele se casou (mesmo sem amor) teve mais filhos do que queria e serviu, foi fiel e o máximo amoroso possível com a esposa, a filha mais jovem se tornou samurai e eles sempre viveram em conflito pois ele não concordava que uma mulher seguisse este caminho (há uma pequena quest da reconciliação dos dois e do rompimento da amizade dele com um amigo samurai), serviu ate a morte da primeira esposa (recebeu em algum momento uma benção da longevidade), quando se casou com uma que amava e teve dois filhos. Ele era extremamente devoto a Lin-wu, e sua única ambição era o título de primeira espada de Tamu-ra (eu inventei este título junto com toda a história da família dele), no dia em que o imperador de Ni-tamura o honrou com este título, ele foi agraciado com outra benção de Lin-wu, ele se tornou o guardião da espada de Lin-wu (inventei isso também) ele sempre saberia após essa benção onde haveria uma tamuriano sofrendo, e ao invés de servir o imperador apenas ele se tornou servo de todo e qualquer camponês ou nobre que sobreviveu a Tamu-ra que precisasse de ser defendido por um samurai, viveu assim até a sua morte, mas não antes de encontrar outro para o substituir...
A morte dele seria para fechar a campanha no nível 20 e ser a recompensa final do meu jogador que jogava com um samurai caso ele fosse digno até o fim.
Esse é o resumo da história, acha que existe lugar para um herói imperfeito e cheio de falhas nas próximas aventuras oficias?

Voltar para Dúvidas & Sugestões sobre a Editora e o Fórum

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: nenhum usuário registrado e 1 visitante.