Território Espacial


Entre em seu robô gigante e parta em direção à Constelação do Sabre, um império galáctico repleto de intriga e aventura!

Avatar do usuário

Mensagens: 2620

Registrado em: 09 Dez 2013, 18:15

Localização: Rio de Janeiro

Mensagem 11 Dez 2013, 13:41

Território Espacial

Piratas Espaciais, Mercenários, Contrabandistas? Asteroides habitáveis, estações espaciais, áreas mascon? O que acontece na Constelação, fora dos mundos do Sabre, encontra seu refúgio aqui!
_______________________________________

— Lancaster —

Mensagens: 60

Registrado em: 11 Dez 2013, 14:11

Mensagem 14 Dez 2013, 17:36

Re: Território Espacial

Mesmo no espaço, no futuro distante em que vivem os habitantes da Constelação do Sabre há quem fale de monstros e mistérios. O vazio entre as estrelas também
esconde seus esqueletos e fantasmas. Navegantes falam de estações estranhamente abandonadas, sem tripulação ou corpos mas com as naves ainda nas docas.
Patrulheiros conversam entre si sobre naves de batalha de tipos desconhecidos que encontraram em locais obscuros apenas para sumirem no espaço além da
Constelação sem resposta. Nômades e peregrinos contam de de acidentes em luas e planetóides com que ninguém se importa e como foram salvos ou capturados
por hussardos estranhos e levados à ruínas de bases que ninguém sabia que estavam lá.

Eremita é o nome de mais uma dessas lendas. Diz a lenda que, em algum lugar entre as estrelas, se encontra uma nave-fábrica perdida e à deriva, mas não inativa.
Quando foi feita e por quem, sejam homens ou algum povo esquecido pelas estrelas como os habitantes originais de Altona, não se sabe ao certo, cada um conta de
um jeito, mas o que todos concordam é que em algum século ou milênio esquecido até pelo vazio ela foi danificada e por isso viaja sem um rumo ou objetivo certo
ou compreensível.

Um fantasma mecânico a observar o vazio, perambulando entre as estrelas - e capturando tudo que seus sensores captem e a inteligência obscura que a comanda
considere interessante. Um cemitério espacial de uma nave só, que foi se cobrindo com as partes e peças de naves e bases imperfeitamente "reprocessadas" pela
instalação. Um frankenstein acidental, controlado por uma AI ancestral e possivelmente danificada tentando reparar a si mesma pelo desmanche e absorção de
qualquer veículo espacial menor que cruze seu curso.

Isso supondo que os sistemas do Eremita ainda têm a planta correta e que todas as partes que "reutilizou" são de fato compatíveis. Há quem diga que a consciência-central
se perderia e distrairia com freqüência devido a dezenas de computadores, memórias e dados que adicionou descoordenadamente à si mesma, o que resulta em
suas ações contraditórias e rotas estranhas, em que de tempos em tempos salta ao acaso para algum ponto quando brota alguma rota perdida nos arquivos.

Uma caixa de pandora em forma de nave - ONDE o Eremita já esteve? Existiriam sobreviventes de seus criadores ou naves à deriva que capturou em seu interior?
Destroços de mundos colonizados além da constelação do Sabre? Restos de naves de outros povos humanos ou até aliens abduzidos por acidente por esta?

Quem sabe? Essas ao menos são as história que se contam...
Avatar do usuário

Mensagens: 2620

Registrado em: 09 Dez 2013, 18:15

Localização: Rio de Janeiro

Mensagem 14 Dez 2013, 17:58

Re: Território Espacial

Faeton escreveu:Mesmo no espaço, no futuro distante em que vivem os habitantes da Constelação do Sabre há quem fale de monstros e mistérios. O vazio entre as estrelas também
esconde seus esqueletos e fantasmas. Navegantes falam de estações estranhamente abandonadas, sem tripulação ou corpos mas com as naves ainda nas docas.
Patrulheiros conversam entre si sobre naves de batalha de tipos desconhecidos que encontraram em locais obscuros apenas para sumirem no espaço além da
Constelação sem resposta. Nômades e peregrinos contam de de acidentes em luas e planetóides com que ninguém se importa e como foram salvos ou capturados
por hussardos estranhos e levados à ruínas de bases que ninguém sabia que estavam lá.

Eremita é o nome de mais uma dessas lendas. Diz a lenda que, em algum lugar entre as estrelas, se encontra uma nave-fábrica perdida e à deriva, mas não inativa.
Quando foi feita e por quem, sejam homens ou algum povo esquecido pelas estrelas como os habitantes originais de Altona, não se sabe ao certo, cada um conta de
um jeito, mas o que todos concordam é que em algum século ou milênio esquecido até pelo vazio ela foi danificada e por isso viaja sem um rumo ou objetivo certo
ou compreensível.

Um fantasma mecânico a observar o vazio, perambulando entre as estrelas - e capturando tudo que seus sensores captem e a inteligência obscura que a comanda
considere interessante. Um cemitério espacial de uma nave só, que foi se cobrindo com as partes e peças de naves e bases imperfeitamente "reprocessadas" pela
instalação. Um frankenstein acidental, controlado por uma AI ancestral e possivelmente danificada tentando reparar a si mesma pelo desmanche e absorção de
qualquer veículo espacial menor que cruze seu curso.

Isso supondo que os sistemas do Eremita ainda têm a planta correta e que todas as partes que "reutilizou" são de fato compatíveis. Há quem diga que a consciência-central
se perderia e distrairia com freqüência devido a dezenas de computadores, memórias e dados que adicionou descoordenadamente à si mesma, o que resulta em
suas ações contraditórias e rotas estranhas, em que de tempos em tempos salta ao acaso para algum ponto quando brota alguma rota perdida nos arquivos.

Uma caixa de pandora em forma de nave - ONDE o Eremita já esteve? Existiriam sobreviventes de seus criadores ou naves à deriva que capturou em seu interior?
Destroços de mundos colonizados além da constelação do Sabre? Restos de naves de outros povos humanos ou até aliens abduzidos por acidente por esta?

Quem sabe? Essas ao menos são as história que se contam...


Muito bom conceito. Isso valeria uma ficha completa... :)
_______________________________________

— Lancaster —

Mensagens: 60

Registrado em: 11 Dez 2013, 14:11

Mensagem 15 Dez 2013, 16:57

Re: Território Espacial

Isso é algo em que ainda tenho de pensar - de certo modo eu imagino o Eremita mais como dungeon que troca de lugar, tipo o castelo-espaçonave do Monstro em Krull do que um adversário tradicional para combate espacial. Até porque o Eremita é mais propenso a capturar e desmantelar naves do que atacá-las, deixando os tripulantes presos em seu confuso interior.

Mas sim, acho que posso pensar em alguns stats para o bicharoco sim.
Avatar do usuário

Mensagens: 139

Registrado em: 11 Dez 2013, 23:34

Mensagem 29 Mar 2014, 18:29

Re: Território Espacial

Com relação a Estação Parlamentar, ela possui um corpo da Brigada Ligeira Estelar como força de defesa, mas não foi dito nada quanto a presença da Marinha Imperial. Considerando que a estação espacial deveria ser um ponto de suma importância para o Império, não faria sentido também deixar uma ou duas naves estelares de prontidão para qualquer eventualidade?
Avatar do usuário

Mensagens: 2620

Registrado em: 09 Dez 2013, 18:15

Localização: Rio de Janeiro

Mensagem 29 Mar 2014, 21:01

Re: Território Espacial

Mestre do Caos escreveu:Com relação a Estação Parlamentar, ela possui um corpo da Brigada Ligeira Estelar como força de defesa, mas não foi dito nada quanto a presença da Marinha Imperial. Considerando que a estação espacial deveria ser um ponto de suma importância para o Império, não faria sentido também deixar uma ou duas naves estelares de prontidão para qualquer eventualidade?


É um bom ponto. Mas a explicação para isso está no volume 2 de Belonave Supernova — porque a Estação Parlamentar tem grande importância no desfecho da campanha. ;)
_______________________________________

— Lancaster —
Avatar do usuário

Mensagens: 2620

Registrado em: 09 Dez 2013, 18:15

Localização: Rio de Janeiro

Mensagem 24 Out 2014, 13:50

Re: Território Espacial

O Blog Exploradores do Sabre pôs no ar um artigo dedicado à aventuras na Estação Parlamentar.

http://exploradoresdosabre.blogspot.com.br/2014/10/ideias-para-aventuras-001-ataque.html
_______________________________________

— Lancaster —
Avatar do usuário

Mensagens: 22

Registrado em: 09 Dez 2013, 19:12

Mensagem 16 Jun 2016, 00:08

Re: Território Espacial

Imagem

Mascon 120 = Sabre 6 x Sabre 5 x Sabre 4 = 120 = Aproximação de Coordenadas para Registro Imperial.
1701 = Valor Alfanumérico da Boia de Localização (E acontece de ser uma referência a um certo NCC-1701.)
---
"Alda" - Nome da Nave Exploratória que encontrou o Planeta, Origem da Nave: Desconhecida, Registros Perdidos.
Sistema: Sistema Quádruplo, Alda 1 (Incandescente), Alda 2 (Mascon), Alda 3 (Gigante Gasoso), Alda 4 (Gigante Gasoso)
Satélites (Alda 2): L'Caster.
Reivindicação: Forte Martim, Gessler e Trianon.
Status Atual: Território Independente (Temporário, Expira 1863 C.E)
---
Como acabei não conseguindo fazer o segundo episódio da minha campanha no RRPG, minha culpa, não dos jogadores. Decidi aproveitar que não haveria jogo pra realmente planejar os próximos episódios e lendo, o glorioso, A Constelação do Sabre V2, me surgiu a ideia de lançar os próximos passos da campanha em espaço Mascon! O resultado da minha tempestade de miolo foi tão positivo que resolvi ir um pouco além, se tudo sair perto do planejado estarei postando aqui em breve o "Guia para Alda" ou Mascon 120. Um livreto para oferecer um novo espaço de aventuras para propensos narradores!

Se eu vou fazer isso porque diabos estou falando no fórum sem estar pronto? Bem, eu sou inexperiente como narrador, isso é um fato, mas vocês ai podem não ser! E qualquer ajuda é sempre bem vinda! Como ajudar? Com as informações dispostas aqui acredito que qualquer um pode imaginar como é Alda! Apenas pelo conjunto de imagens disposto e sua imaginação, podemos criar um lugar interessante e o melhor, compartilhando-o entre todos nós Hussardos.

Seja um NPC, seja uma organização ou mesmo a sua visão de como personagens do sabre reagiriam ao que acontece em Mascon 120. O que ela poderia produzir? Quais segredos poderíamos dispor em seu terreno avermelhado? Como podemos tornar esse pequeno mundo vermelho em algo interessante?

Agradeço qualquer ajuda. 8-)
Avatar do usuário

Mensagens: 65

Registrado em: 31 Out 2015, 00:39

Mensagem 16 Jun 2016, 01:11

Re: Território Espacial

Pergunta, é uma estrela de fora da Constelação? Se for, como não conseguiu ser detectada?

Pra justificar isso, sugeriria que fosse uma anã negra, mas seriam mundos completamente mortos e protegido por nuvens de massa e radiação emitidas nos seus tempos como uma variável Mira, antes de se extinguir.

Não seria mais interessante instalar a mascon em um planeta anão de órbita irregular no sistema de Gessler e Trianon?

Ele poderia não ter sido detectado porque sua órbita o fazia circular durante décadas dentro do cinturão de Kuiper do sistema, fazendo que ele não fosse captado ou até calculado por telescópios eletrônicos.

E que tal inventar algo como o gundanium de Gundam Wing para justificar o interesse desses dois mundos, complicando a relação deles?

Sei lá, só uma sugestão.

Mensagens: 60

Registrado em: 11 Dez 2013, 14:11

Mensagem 16 Jun 2016, 02:07

Re: Território Espacial

Bem, a primeira pergunta que me vem na cabeça é - se o foco de história/cenário seria uma mascon, para que ter trabalho rabiscando um sistema? Por ser uma mascon você poderia colocá-la na lua de um dos 3 mundos já mencionados, em qualquer dos planetas inabitados ou seus satélites (que se nosso sistema solar serve de exemplo, podem ser comparáveis a planetas no caso das luas de gigantes gasosos) ou um entre dezenas de planetóides "plutônicos" no equivalente do nosso cinturão de Kuiper na borda do sistema estelar.

Algum motivo em particular para mencionar Forte Martim, Gessler e Trianon como "disputando a posse" de Alda? Tem planos para eles? Num aparte, a origem da disputa poderia ser algo tão simples e espírito de porco quanto um grupo de exploradores ou um nobre de Forte Martim achar algo interessante de explorar/ocupar, fazer base, fincar bandeira num ponto do "sistema compartilhado" em que Gessler & Trianon enquanto ninguém estava olhando... :P

De resto estou curioso sobre o que tem em mente e o que mais vem por aí.
Próximo

Voltar para Brigada Ligeira Estelar

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: nenhum usuário registrado e 1 visitante.